Policia Militar

Processo Adminsitrativo Disciplinar - Sanção

A banca do escritório Quintanilha Advogados, obtem outra vitória, e num caso que se tornou emblemático, no início de 2019, onde um Policial Militar do COPOM, teve contra si a instauração de um INQUÉRITO POLICIAL MILITAR, e ainda um Processo Administrativo Disciplinar, pois teria comido dois pedaços de pizza, todavia a embalagem não possuía identificação.
Durante a instrução do PAD, a defesa conseguiu demostrar que haviam irregularidades no fato da pizza (alimento perecível) estar sem a devida identificação e ainda não estar acondicionada na geladeira, conforme determinação expressa em Ordem de Serviço.
Ocorrendo que todo alimento sem identificação deveria ser descartado no lixo. Neste sentido o Policial em tela entendeu que o alimento ali largado, iria para o lixo, de tal sorte que não viu qualquer problema em consumi-lo.
Fato corroborado por testemunhas e chefes de equipe do COPOM. O IPM sequer evoluiu para o processo, pois o Ministério Público pediu seu arquivamento.
Agradecemos a confiança no nosso trabalho!